sábado, 10 de julho de 2010

Concordância Nominal :

CONCORDÂNCIA NOMINAL

O artigo, o adjetivo, o pronome adjetivo e o numeral concordam em gênero e número com o substantivo a que se referem:

Cumprimos as condições estabelecidas.
Não se permitem telefonemas interurbanos.
Traga-me quatrocentos gramas de presunto.
Suas críticas não procedem.

A concordância nominal apresenta algumas particularidades, são elas:

a) Substantivo em função adjetiva - fica invariável o substantivo em função adjetiva, o que ocorre quando se subentende a expressão da cor de:

Comprei dois ternos cinza e duas gravatas laranja.
Ela só gosta de vestidos rosa.

b) Adjetivos compostos ligados por hífen - nos adjetivos compostos ligados por hífen, só varia o último elemento.

Compramos obras técnico-científicas.
Lembro-me somente de que ela tinha olhos verde-escuros.

c) Menos - a palavra menos em função adjetiva (pronome adjetivo indefinido), é invariável:

Havia menos pessoas do que esperávamos.
Queremos menos conversa e mais ação.
No baile havia menos moças do que rapazes.

d) Meio - meia, quando modifica adjetivo e equivale a “um tanto, um pouco”, fica invariável; quando se refere a um substantivo (claro ou subentendido), concorda com ele em gênero e número, quando é numeral e significa metade concorda com o termo seguinte:

Os alunos estavam meio nervosos. (um tanto, um pouco)
Os rapazes são meio ariscos e as moças meio acanhadas. ( uum tanto, um pouco)
Sempre usava de meias palavras. (poucas)
Ele bebeu meia garrafa de vinho.( metade)

e) Numerais cardinais - os numerais cardinais, quando usados em lugar dos ordinais, ficam invariáveis:

Moro na casa quarenta e dois.
f) Quite - concorda em número com o substantivo ou pronome substantivo a que se refere:

Já estou quite com as minhas obrigações militares.
Vocês já estão quites com a tesouraria?

g) Bastante ou Bastantes - quando bastante significa muito, é invariável - advérbio.
ex.: há bastante espaço no cômodo. Há muito espaço no cômodo.
Quando significa suficiente concorda com o termo a que se refere. Adjetivo.
ex.: Há flores bastantes na floricultura. Há flores suficientes na floricultura.

Nenhum comentário:

Postagem mais Recente

Qual das alternativas está errada? por quê?

Postagens mais Visitadas